Dependência química e dívidas ficaram no passado
13 de maio de 2022

Gravidez ameaçada

Foto: Rodrigo Di Castro

Claudia Santos


Denise e José enfrentaram uma batalha, quando quase perderam um bebê pela segunda vez

O grande passo em busca da felicidade, dado por Denise Eloy e José Adailton de Jesus, aconteceu em 2005, ao se casarem. Após algum tempo, a confirmação de uma gravidez tinha tudo para transformar sonho em realidade. Porém, aos nove meses de gestação, uma notícia se tornou um pesadelo.

“Entrei em trabalho de parto e fui levada à maternidade. Os médicos fizeram uma cesariana de emergência, mas foi constatado que o bebê já estava morto havia dois dias”, lembra-se a mãe. Pouco tempo depois, Denise engravidou novamente, e tudo correu bem. “A Isabela nasceu saudável”, comemora. 

Depois de seis anos, Denise confirmou a terceira gestação. No entanto, um diagnóstico preocupante abalou a família mais uma vez. “De acordo com o médico, o útero estava muito fino, e era quase impossível o neném sobreviver. A outra possibilidade seria ele nascer com problema respiratório grave, pois tinha apenas 23 semanas, e, nesse período, os órgãos, como o pulmão, não estão totalmente desenvolvidos.”

Diante do prognóstico ruim, o médico recomendou que Denise fizesse repouso absoluto até a semana seguinte. “Caso eu não repousasse, o útero poderia se romper, e eu sofreria um aborto. Os especialistas me comunicaram que, se aquele quadro permanecesse, eles dariam um ponto no útero para segurar o feto”, recorda-se.

Fé e determinação

Dias antes do ocorrido, Denise e o esposo haviam iniciado a Campanha das Promessas, na Igreja da Graça em Mogi Mirim (Rua 13 de maio, 343 – SP). E o casal continuou determinando a vitória.  “A Igreja nos ajudou a clamar pela bênção. Colocamos a fé em ação, e o Senhor ouviu as nossas súplicas. Quando refiz os exames, nada de anormal foi constatado”, afirma Denise.

João Lucas nasceu saudável, pesando 3,6kg. “Hoje, meu filho tem cinco anos, e a nossa família está completa. Somos gratos ao Altíssimo pela Sua misericórdia”, afirma a mãe.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Follow by Email
Instagram
WhatsApp