Nova chance para ser feliz
24 de janeiro de 2022
O gelado de todas as estações
17 de fevereiro de 2022

No caminho certo

NOME: RECY MARIA ALVES DA SILVA DATA: 05102021 LOCAL: IIGD CACHOEIRA DE MACACU REPORTER: CLAUDIA SANTOS FOTOGRAFO: RODRIGO DI CASTRO

Recy Maria – Foto: Rodrigo di Castro

Claudia Santos


A compulsão estava destruindo a família de Recy Maria. A escolha certa mudou o rumo dessa história

O uso de bebida alcoólica e maconha fazia do lar de Recy Maria Alves da Silva um ambiente atribulado. “Soube da dependência do meu marido no início do casamento. Nossa convivência era marcada pelas brigas diárias.”

Nem o nascimento dos filhos mudou o comportamento do esposo de Recy. “Ele gastava nossa renda com o vício, e os desentendimentos aconteciam na frente das crianças. Eu me lembro de como o meu menino mais velho ficava assustado com aquela situação”, lamenta.

Dificuldades financeiras

A família de Recy não conseguia nem pagar o aluguel. “Morávamos de favor com a minha sogra e só tínhamos o que comer porque ela comprava. Se dependesse do meu esposo, passaríamos fome.”

Um dia, a esposa descobriu maconha guardada debaixo do colchão. “Ele me envergonhava. Certa vez, tínhamos visitas em casa, e, após um desentendimento, meu esposo arremessou o prato de comida no chão. Às vezes, eu tinha vontade de me separar, mas pedia forças a Deus.”

Família nas mãos do Senhor

A sogra de Recy frequentava a Igreja da Graça e entregava os filhos nas mãos do Criador. “Ela nunca perdeu a fé, e o Altíssimo já estava fazendo uma grande obra. Até aquela época, eu nem tinha entendimento sobre o poder divino para mudar a minha história, porém comecei a aprender mais sobre Jesus ouvindo a mãe do meu marido.”

Recy decidiu entregar sua vida e a de sua família a Jesus ao ser evangelizada por uma amiga. “Senti vontade de visitar a IIGD, até porque meu filho mais velho a estava frequentando. Quando cheguei à reunião, a Palavra me tocou, e me converti. Eu e minha sogra orávamos juntas pela mesma causa, e Cristo nos ouviu.”

Hoje, o marido de Recy também congrega na Igreja: “Vivemos muito bem. Deus o libertou, trouxe-nos união e nos fez prosperar. Já conquistamos a casa própria e compramos um carro.”


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Follow by Email
Instagram
WhatsApp