“Meu marido achou que me perderia”
17 de março de 2022
Maratona de milagres
24 de março de 2022

Casa própria e dignidade

NOME: MARIA APARECIDA LESSA DATA: 14072021 LOCAL: IIGD ITABORAÍ REPORTER: CLAUDIA SANTOS FOTOGRAFO: RODRIGO DI CASTRO

Foto: Rodrigo Di Castro

Amanda Pieranti


Em um momento difícil, Maria Aparecida Lessa encontrou apoio na Igreja Internacional da Graça de Deus, onde ouviu a Palavra e iniciou sua caminhada com Jesus. Na ocasião, ela sonhava em ter um imóvel, porque morava de aluguel. Além disso, criava sozinha os cinco filhos, pois o marido dela a deixou com as crianças ainda pequenas.

“Eu e elas chegamos a passar fome. Quando eu recorria ao meu ex-esposo para pedir dinheiro, era humilhada, inclusive na frente de outras pessoas. Ele dizia que eu precisava me virar para sustentar nossos filhos. Aquilo me abatia.”

Na última vez, a desfeita foi tão grande que Maria Aparecida se sentou em um banco da praça e chorou. “Uma senhora viu meu estado e me disse: ‘Não fique assim! O Senhor é com você!’. Ali, fiquei mais aliviada.”

No retorno para casa, Maria Aparecida se deparou com a Igreja da Graça em Itaboraí (Av. 22 de Maio, 5.154 – Centro – RJ), liderada pelo Pr. Marcio Ramos, e entrou para ouvir a pregação.

“Chorei bastante, mas ouvi a Palavra e, quando saí, estava me sentindo melhor. Trouxe comigo um raminho ungido da campanha e o coloquei na minha despensa. A gente estava passando fome, porque, como meus filhos ainda eram pequenos, eu não podia trabalhar fora.”

Orava para sair do aluguel

Maria Aparecida participou de outras reuniões até se firmar nos caminhos do Senhor. “Eu ia à Igreja e levava meus filhos para a escolinha bíblica. Em minhas orações, pedia pela vida deles, pela saúde e pela bênção de sair do aluguel.”

Então, ela começou a trabalhar como autônoma, e a situação financeira foi melhorando. “Do que eu ganhava, mesmo sendo pouco, retirava o dízimo para a casa de Deus.”

Depois, o pai das crianças assumiu o pagamento do aluguel da residência dela. “Quando arrumei um emprego em um restaurante e comecei a ter minha independência financeira, falei com meu ex-marido que eu tinha um Deus comigo, e Ele não me permitia mais ser humilhada. Desde então, recusei a ajuda dele.”

Corretora enviada pelo Senhor

Maria Aparecida continuava firme no propósito de sair do aluguel. Há três anos, ela conheceu uma corretora, e a oportunidade que tanto pedia a Deus surgiu. “A profissional prometeu me auxiliar, e respondi: Jesus abençoe suas palavras. O tempo passou e, com o auxílio dela, comprei a minha casa, sem precisar dar entrada no financiamento. Já moro no meu imóvel faz um ano”.

Sonho realizado – Foto: Arquivo pessoal

Maria Aparecida é grata ao Senhor. “Moro em uma casa com dois quartos, quintal, área de serviço, dois banheiros, dentro de um condomínio, com portaria, área de lazer e espaço para meu cachorro. Sou feliz por essa bênção. Eu, que não tinha dinheiro sequer para comprar um pão, hoje vivo bem com meus filhos, pois o Senhor me deu a vitória. Agora, posso dizer que tenho uma casa própria.”


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Follow by Email
Instagram
WhatsApp