“Meu marido estava condenado à morte”
31 de julho de 2021
Corria risco de ficar cega
1 de setembro de 2021

Cura e caderninho com cem nomes

Foto: Arquivo pessoal

Amanda Pieranti


O distúrbio na coluna de Eveline Soares de Aguilar durou cerca de 20 anos e já estava refletindo no quadril. “Sentia dores fortes como se levasse choques pelo corpo. Mal aguentava ficar em pé, andar direito e cuidar da casa”.

Nenhum tratamento resolvia o problema. Mas, assistindo ao Show da Fé, uma mensagem do Missionário a fez acreditar na cura divina. “O pregador disse que teríamos de honrar os feitos de Jesus na vida da gente, de preferência, anotando, em um caderninho, o nome de cem pessoas a quem contaríamos nossa vitória”.

Em seguida, Eveline participou da súplica pelos enfermos com R. R. Soares. “Prometi ao Senhor que, se tivesse a saúde restabelecida, daria meu testemunho para cem pessoas, conforme orientou o Missionário. Além disso, por onde eu passasse, contaria o feito divino. Depois, bebi a água consagrada ao Altíssimo”. 

No dia seguinte, ela conseguiu ficar de pé e andar normalmente. A dor havia sumido após quase duas décadas de sofrimento. “E nunca mais voltou. Graças a Deus, estou sarada”, declara Eveline, que fez a lista com os cem nomes para contar seu testemunho.


1 Comment

  1. Gláucia disse:

    Graças a Deus, importante continuar com fé e dando o testemunho, ajuda muitas pessoas a não perderem a fé em Deus!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *